A Câmara Municipal de São Paulo aprovou nesta quinta-feira, 17, por 48 votos a 4, o projeto de lei de autoria do prefeito Ricardo Nunes,  que garante bonificação para  servidores da prefeitura da capital paulista. Inicialmente, o valor do bônus seria estipulado de acordo com o cumprimento das metas estipuladas para cada setor da prefeitura.  No entanto, por causa da pandemia de Covid-19, o valor será pago como se todos tivessem cumprido 100% da meta. Ao enviar o projeto para à Câmara, Nunes disse que a mudança é necessária para não prejudicar, principalmente, funcionários públicos que atuam na linha de frente do combate ao coronavírus, que podem ter encontrado dificuldade em cumprir as metas estipuladas ainda no período pré-pandemia. O vereador Gilson Barreto (PSDB) elogiou a iniciativa “Não vejo nem a questão de valor, vejo a questão de reconhecimento de pessoas, principalmente nesse momento de pandemia, que se propuseram com afinco, com garra, com vontade de ajudar pessoas que mais precisavam naquele momento e precisam”, disse. A proposta ainda precisa passar por segunda votação, o que deve ocorrer na semana que vem.

*Com informações da repórter Caterina Achutti

Artigo anteriorRio antecipa vacinação contra a Covid-19 e prevê imunizar todos os adultos até o fim de agosto
Próximo artigo3 Livros que você tem que ler o quanto antes