A Prefeitura de São Paulo anunciou o início da vacinação contra a Covid-19 para a faixa etária de 44 a 45 anos para esta terça-feira, dia 29. A expectativa é atingir as 241.578 pessoas desse grupo para a primeira dose. Entre quarta-feira e quinta-feira, será a vez das faixas etárias de 42 e 43 anos, com o público estimado em 266 mil pessoas. A Secretaria de Saúde informou que na sexta-feira, dia 2, haverá uma “repescagem” do público de 42 a 46 anos, e no sábado as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Assistências Médicas Ambulatoriais (AMAs) Integradas irão aplicar apenas a segunda dose dos imunizantes. Na próxima semana, de segunda-feira a quarta-feira, a capital abrirá a vacinação para a população de 41 anos, estimada em 132 mil pessoas. Aqueles que não se vacinaram anteriormente, mas fazem parte dos públicos elegíveis, podem se direcionar às UBSs espalhadas pela capital e se vacinar.

Para garantir a vacinação é obrigatório apresentar no ato da vacinação um comprovante de residência na capital, juntamente com os documentos pessoais, preferencialmente Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) e cartão do Sistema Único de Saúde (SUS). O comprovante de endereço pode ser apresentado de forma física ou digital. Se não houver no próprio nome do munícipe, serão aceitos comprovantes em nome do cônjuge, companheiro, pais e filhos, desde que apresentado também um documento que comprove o parentesco ou estado civil, como Registro Geral (RG), certidão de nascimento, certidão de casamento ou escritura de união estável. Além dos documentos, é necessário realizar um pré-cadastro no site “Vacina Já” para agilizar o tempo de atendimento nos postos de vacinação. Basta inserir dados como nome completo, CPF, endereço, telefone e data de nascimento.

Artigo anterior‘CPF cancelado’: Constantino diz que Bolsonaro está ‘alinhado com o povo’ ao comemorar morte de Lázaro
Próximo artigoLázaro Barbosa: O que falta esclarecer sobre a perseguição que terminou em morte