Os alunos da cidade de São Paulo retornam para o segundo semestre do ano letivo nesta segunda-feira, 2, em regime presencial. As escolas municipais de ensino infantil, fundamental e médio poderão funcionar com capacidade máxima, desde que se mantenha o distanciamento de 1 metro e outros protocolos sanitários, como o uso de máscaras e álcool em gel. As instituições que não tem capacidade para atender todos os alunos poderão adotar sistema de rodízio. Já as creches privadas e Centros de Educação Infantil (CEIs) poderão funcionar com 60% da lotação. Antes, o limite era de 35%. A partir desta segunda-feira, todos os estudantes também terão acesso ao projeto de recuperação. A Secretaria Municipal de Educação informou que os alunos matriculados a partir do 3º ano do ensino fundamental que não atingiram os objetivos de aprendizagem e desenvolvimento propostos para cada ano vão participar da recuperação paralela, aplicada no contraturno escolar. Crianças em fase de alfabetização também vão receber atividades especiais no segundo semestre.

Artigo anteriorVereador do Rio de Janeiro, Gabriel Monteiro sofre atentado em festa infantil
Próximo artigoPaes apaga ex-presidente do COB ao postar foto com Rebeca Andrade