O Ministério da Saúde afirmou neste domingo, 25, que vai enviar 10,2 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 aos Estados nesta semana. A informação foi confirmada à Jovem Pan pela pasta. Nos últimos dias, algumas cidades suspenderam ou adiaram o calendário de vacinação por conta da falta de doses. A Prefeitura do Rio de Janeiro, por exemplo, suspendeu a aplicação da primeira dose na sexta-feira, 23, até a chegada de mais vacinas. O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), também afirmou que a vacinação para pessoas com 28 anos na capital, prevista para quinta e sexta-feira, 30, não está mais confirmada. O Ministério da Saúde afirmou que fará uma reunião tripartite nesta semana, com representantes da União, dos governos estaduais e dos municípios, para definir o público alvo e a quantidade de doses que serão distribuídas para cada região. A pasta, no entanto, não soube informar a data exata da reunião e da entrega das vacinas. Neste domingo, o Brasil recebeu 2,1 milhões de doses do imunizante da Pfizer, a maior remessa já entregue até agora. Os lotes chegaram nesta manhã no aeroporto de Viracopos, em Campinas.

Artigo anteriorCiclistas fazem protesto em São Paulo após morte de colega atropelado
Próximo artigoPolícia prende homem suspeito de violentar a filha por 30 anos na Grande SP